18 de janeiro 2016

Porto

21:00 a 23:00

A data limite para a inscrição foi atingida.

Resumo do curso

Qualquer extração dentária tem como consequência inevitável a reabsorção alveolar; as extrações múltiplas levam a importantes alterações dimensionais de toda a crista óssea com o compromisso da reabilitação oral, em termos gerais, e da reabilitação implanto-suportada, em particular.

De facto, um adequado volume ósseo é fundamental para a colocação de implantes na posição correta, para a obtenção de osteointegração e assim, para o êxito da reabilitação. A regeneração óssea é, hoje em dia, uma importante área da Medicina Dentária, existindo variados procedimentos eficazes que conseguem atingir este objetivo, nas diferentes situações clínicas: preservação de alvéolos, aumento do rebordo ósseo, correção de deiscências e fenestrações e levantamento do pavimento do seio maxilar.

Em todos os casos, só é possível a obtenção de formação de novo osso caso sejam respeitados pilares da biologia. Durante o curso pretende-se discutir os princípios biológicos de regeneração óssea, apresentar através de casos clínicos os distintos procedimentos, técnicas e materiais utilizados, bem como as complicações e limitações da sua aplicação em reabilitação oral, particularmente utilizando implantes osteointegrados.

 

Helena Rebelo

helena-rebelo

  • Licenciatura em Medicina Dentária na Universidade de Lisboa (1988)
  • “Magister Universitario” em Periodontologia pela Universidade Complutense de Madrid (1991)
  • Docente da Pós-graduação e Mestrado de Periodontologia e Implantes da FMDUL
  • Fellow International Team for Oral Implantology
  • Numerosos cursos e conferências em congressos nacionais e internacionais
  • Publicações em revistas científicas
  • Atividade clínica limitada à periodontologia e cirurgia de implantes

 

Fotos dos casos clínicos

foto-1

 

foto-2

 

 

foto-3

 

Curso com o apoio:

Curso ministrado por

Helena Rebelo