2 de março 2020

Leiria

21:00 a 23:00

Tryp Leiria Hotel

A data limite para a inscrição foi atingida.

Numa era em que a prática clínica da medicina dentária é constantemente atraída pelo “i” de inovação, informática, impacto, itech, etc.. Torna-se determinante incentivar a que esta prática não se desvirtue e não se transforme em algo, aparentemente, inacessível, improvável e impessoal.

No dia-a-dia da atividade clínica somos responsáveis por realizar, definir, orientar e concretizar planos de tratamento, dos mais simples aos complexos. A perspetiva “i” inspira ao pensamento individual, sendo essencial para uma abordagem clínica integrada e interdisciplinar de cada paciente.

Durante esta apresentação, o autor procurará interpretar e esclarecer os conceitos estéticos, oclusais e funcionais que devem fundamentar a prática clínica diária. A inovação não passa, exclusivamente, por dominar e utilizar a tecnologia. Podemos inovar através de uma prática clínica que marca pela diferença, fazendo diferente pela implementação de uma visão integrada. Os meios tecnológicos e toda a sua potencialidade deverão ser incluídos nesta mesma visão integrada, como meios facilitadores, complementares e de garante de maior previsibilidade.

Curso ministrado por

Ricardo Dias

  • Licenciado em Medicina Dentária pela Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC) em 2006
  • Pós-graduado em Reabilitação Oral Protética pela Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
  • Doutorado em Ciências da Saúde, ramo de Medicina Dentária, especialidade de Prótese Dentária e Oclusão
  • Assistente Convidado da disciplina de Prostodontia Fixa do mestrado integrado em Medicina Dentária
  • Investigador em reabilitação oral nas áreas de implantologia, disfunções temporomandibulares, bruxismo
  • Prática clínica privada em reabilitação oral protética, disfunção temporomandibular, bruxismo, dor orofacial