Ana Rita Costa

A prática de medicina dentária em bloco operatório

  • Licenciatura de Medicina Dentária, pelo Instituto Superior de Ciências da Saúde Sul
  • Médica dentista militar, regime de contrato, Força Aérea Portuguesa
  • Mestrado integrado em Medicina, Faculdade de Ciências Médicas, UNL
  • Internato geral no Centro Hospital Lisboa Ocidental
  • Médica interna do 5º ano da Especialidade de Cirurgia Maxilofacial, CHULC – Hospital São José

Nacionalidade: Portugal

Área científica: Cirurgia Oral

14 de novembro, das 12h15 às 13h00

Auditório B

Resumo da conferência

Os médicos dentistas são treinados a realizar os procedimentos dentários sob anestesia local, com a colaboração dos seus doentes, em contexto de clínica ou hospital privado. No entanto, na ausência de cooperação dos pacientes com necessidades especiais, medicamente comprometidos, com patologias psiquiátricas, alterações motoras, institucionalizados, dependentes ou, simplesmente, por conforto e comodidade de doentes mais impacientes, devem ser consideradas opções adjuvantes, como a anestesia geral em contexto de bloco operatório.

O bloco operatório proporciona um ambiente seguro, efetivo e eficiente para estes doentes.

Para a segurança do doente, no bloco operatório, é fundamental o cumprimento de protocolos de conduta e comportamentos médicos, de enfermagem e de assistentes dentárias, e protocolos de assepsia, bem definidos, devendo estes estar enraizados conjuntamente com os procedimentos dentários.

Esta palestra tem como objetivo relembrar, clarificar e automatizar os passos pré, intra e pós-operatórios, quando se pretende tratar um doente sob anestesia geral, bem como disponibilizar dicas úteis para minimizar os erros mais comuns em contexto de bloco operatório.